21 de July de 2022 -

Transportador autônomo pode responder pesquisa sobre a política nacional dos pisos mínimos

Até o dia 27 deste mês os caminhoneiros podem responder à pesquisa da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), em parceria com a Empresa de Planejamento e Logística (EPL), sobre a revisão da Política Nacional dos Pisos Mínimos do Transporte Rodoviário de Cargas (PNPM-TRC). O questionário conta com 12 itens direcionados aos transportadores autônomos, empresas e cooperativas do setor rodoviário de carga, segundo a Lei nº 13.703/2019.

Entre as perguntas, estão questões sobre a quantidade de horas trabalhadas por semana, rendimento do combustível, entre outros fatores que influenciam nos valores de referência da PNPM-TRC. Com os dados, a ANTT pretende aplicar os resultados na revisão da política nacional que deve acontecer em janeiro de 2023.

O Presidente da Confederação Nacional dos Caminhoneiros e Transportadores Autônomos de Bens e Cargas – CONFTAC, André Costa, reforça que os caminhoneiros devem procurar participar da pesquisa, pois ela terá impactos diretos na sua rotina. “É a partir dessas respostas que teremos a próxima revisão da política nacional. Essa é uma oportunidade de participar e colaborar para que a revisão seja a mais justa e próxima da realidade do transportador autônomo”, salienta.

Para responder à pesquisa basta acessar pesquisa.epl.gov.br.