22 de March de 2022 -

Você sabe como calcular o valor do frete? Confira mais!

O conhecimento do cálculo do frete é fundamental para quem trabalha como transportador autônomo. No entanto, esses cálculos variam conforme alguns fatores e há diferentes formas de chegar até o resultado final. Atualmente, inclusive, é possível ter o auxílio online para fazer isso. Alguma vez você já determinou um valor para o frete imaginando um lucro suficiente e descobriu que estava errado? Isso pode acontecer quando não se conhece o cálculo correto, o que diminui o lucro final do seu trabalho. Saber a quantia a cobrar pelo serviço ajuda a não ter prejuízos, por isso é tão importante.

Tabela da ANTT

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) possui uma Tabela de Frete, que é a forma mais segura de se orientar para cálculos os custos de transporte de cargas. Os valores são pré-fixados conforme a Política Nacional de Pisos Mínimos do Transporte Rodoviário de Cargas. De acordo com oparáfrago 4º do Art. 5º da Medida Provisória nº 832/2018, a pessoa física ou jurídica que pagar menos no frete do que aquilo estipulado na tabela pode ter problemas. Um dos riscos é ter qu indenizar o trabalhador com um valor referente ao dobro do que seria o frete certo.

Cálculo do frete

E, afinal, como fazer esse cálculo? Com a tabela da ANTT em mãos, ele varia de acordo com alguns fatores:
  • O tipo de carga;
  • O número de eixos do veículo;
  • A distância percorrida.
A partir disso, multiplicam-se os dados para se obter o valor do piso mínimo. Para chegar ao valor final, deve-se ainda acrescentar possíveis adicionais, como o custo do pedágio, seguro, alimentação, margem de lucro e impostos. Portanto, você deve fazer como o exemplo a seguir:
  • Um caminhão de três eixos quer calcular o frete para uma viagem de São Paulo para Belo Horizonte, com 594 km;
  • Para isso, utilizamos o número 1,03 e multiplicamos pelo número de eixos, que são 3;
  • Depois, multiplicamos o resultado (3,09) pela distância (594);
  • O valor do frete mínimo será de R$ 1.835,46 para a ida.
Se o caminhão voltar sem carga nova, você deve cobrar o mesmo valor da ida. Caso tenha outra carga, basta fazer a conta novamente. Outra opção mais simples é o uso do site Calcula Frete. Ele já utiliza a versão mais recente da tabela da ANTT e realiza o cálculo de forma automática quando você insere os dados. É possível fazer o cálculo do frete mínimo, de volume ou de hora parada. O site é simples, intuitivo e ajuda a não cometer erros na conta e economizar tempo.