10 de March de 2023 -

Bracell apresenta caminhão acima de 40 toneladas 100% elétrico

A Bracell, uma das maiores empresas de celulose do mundo, iniciou a operação de um caminhão elétrico movido a energia limpa e renovável, como parte das ações para diminuir o impacto de sua operação logística na sua planta industrial em Lençóis Paulista, no interior de São Paulo.

Os caminhões elétricos não são exatamente uma novidade no transporte das grandes cidades, onde alguns caminhões pequenos e utilitários já funcionam com tecnologia 100% renovável. No entanto, grandes veículos, como o da Bracell – um modelo 6×4 da chinesa CAMC capaz de transportar 30 toneladas de carga – ainda são raros no país.

“Está na essência da Bracell fazer a sua produção ser o mais sustentável possível. Já usamos o modal ferroviário, mas no rodoviário, ainda não tínhamos boas opções para a frota com caminhões desse tamanho”, conta Alberto Pagano, head de supply chain da Bracell.

Neste projeto piloto, o veículo da companhia faz o trecho entre a linha de produção e o terminal intermodal da empresa – um trecho de cerca de 40 km, onde os fardos de celulose seguem embarcados em trens da companhia MRS até o Porto de Santos.

A autonomia das baterias de íons de lítio e ferro do caminhão é de 220 km, com velocidade média de 80 km/h. Uma das coisas que chamam a atenção é o tempo de recarga, de apenas 1 hora e meia.

Foco em ESG

Pagano, que há mais de 20 anos atua no setor de logística, conta que a sustentabilidade é, de fato, um dos principais pilares da empresa. “Hoje, o tema é o primeiro critério para se organizar a logística da operação. Fico muito feliz de ajudar a Bracell a estar na vanguarda desse processo”.

Além de ter iniciado a eletrificação da frota, a Bracell é comprometida com uma produção verdadeiramente sustentável baseada em uma operação positiva para o clima e livre de combustíveis fósseis. A empresa inclusive mantém metas de consumo de diesel para os motoristas, exigindo profissionais cada vez mais qualificados e bem treinados com foco em sustentabilidade.

O abastecimento do caminhão elétrico da Bracell, que é pilotado por uma mulher, também é feito de maneira sustentável. A indústria usa sua própria energia verde (100% renovável) à base de subprodutos da madeira: biomassa de eucalipto e licor negro, gerando vapor que alimenta os turbogeradores de energia.

Além de alimentar a própria fábrica, a energia excedente na ordem de 150 a 180 MW é apta para a comercialização e disponibilizada para o Grid nacional, suficiente para atender ao consumo de 750 mil residências, ou seja, aproximadamente 3 milhões de pessoas por um ano.

Segundo a empresa, em comparação a um caminhão movido a diesel do mesmo tamanho, a economia de carbono equivalente despejado na atmosfera pode chegar a 132 toneladas por ano. A ideia é, aos poucos, substituir toda a frota de 30 caminhões da Bracell por veículos elétricos.

Fonte: Exame.